Os 7 vídeos mais odiados do Youtube - você consegue adivinhar o primeiro?
Os 7 vídeos mais odiados do Youtube - você consegue adivinhar o primeiro?
A lista conta com alguns clássicos, como Justin Bieber e Rebecca Black, mas tem novatos quentíssimos também
Postado em 17/12/2018
Imagem: Youtube/Reprodução
A disputa pelo primeiro lugar de vídeo mais odiado do YouTube é sempre acirrada. Este ano, o troféu foi para "YouTube Rewind 2018: Everyone Controls the Rewind", que, em apenas alguns dias, conseguiu a marca de 13 milhões de dislikes, sendo, de longe, a produção mais detestada da plataforma.  


Para quem ainda não viu o curta, o conceito de "YouTube Rewind" é basicamente ser uma retrospectiva dos vídeos e (sub)celebridades mais relevantes do ano, contando com a participação de vários nomes famosos - e excluindo (deliberadamente?) outras tantas personalidades.

O resultado, no entanto, não agradou muito, como você pode ver.

Mas ele não é o primeiro - e provavelmente não será o último - vídeo a receber uma quantidade absurda de dislikes no site. Abaixo você confere os 7 campeões de ódio e reprovação. Clique no play por sua própria conta e risco.

7. Rebecca Black - Friday


Um clássico do ranço mundial, este clipe já foi o mais odiado de todos os tempos no YouTube, em 2011, mas, atualmente, quase saiu da lista. Afinal, com apenas 3,7 milhões de dislikes, podemos dizer que até que ele não era tão ruim assim, não é mesmo? (Ou que talvez as coisas tenham piorado muito de lá para cá.)

6. Luis Fonsi - Despacito ft. Daddy Yankee


Confesse, você já estava esperando por essa. Sendo uma das músicas mais tocadas do ano passado (e talvez ainda deste), o seu clipe não poderia passar incólume do ódio mundial. Afinal, ninguém mais aguenta ouvir essa mesma melodia chiclete, né não?

5. PewDiePie - Can this video get 1 million dislikes? 


Bom, este vídeo pediu por uma boa posição nesta lista. Com um título que se traduz como "Será que esse vídeo consegue 1 milhão de dislikes?", não poderíamos esperar por nada menos. Não estamos certos sobre qual foi a intenção original do seu autor, mas, com certeza, podemos dizer que a empreitada foi mais que bem sucedida, alcançando um total de quase 3,8 milhões de dislikes.

4. Call of Duty Oficial: Infinite Warfare Reveal Trailer


Por incrível que pareça, o quarto lugar ficou para o trailer do Call of Duty, que conseguiu cerca de 3,77 milhões de dislikes ao todo. Um dos motivos apontados pelos comentadores do YouTube foi a má qualidade dos gráficos, enredo e direção do jogo. Aparentemente os fãs ficaram muito decepcionados com o resultado. Mas... recentemente, uma "luz no fim do túnel" se abriu para o vídeo, quando muitos espectadores comentaram que "diante do YouTube Rewind 2018", até que o trailer não foi dos piores. É mole?

3. Jake Paul – It’s Everyday Bro (Song) feat. Team 10 


A medalha de bronze vai para um YouTuber que já é conhecidamente odiado na internet, o americano Jake Paul. Neste clipe, que conseguiu mais de 4 milhões de dislikes, não sabemos nem mesmo apontar o que é pior. Se são as tentativas ridículas de parecer "cool", a cara pretensiosa de Jake Paul, ou os inúmeros clichês por segundo a que o espectador é exposto. Seja como for, os números não mentem ao dizer: parabéns, ficou um lixo.

2. Justin Bieber – Baby ft. Ludacris


Um dos singles mais chicletes e marcantes da carreira de Justin é também o mais odiado de todos os tempos. O clipe atingiu a marca de 9,8 milhões de haters declarados, e todos nós sabemos por quê. Não só a repetição exaustiva de "baby, baby, baby" irrita profundamente qualquer um que tenha ouvidos funcionais, como também gruda na sua cabeça de forma irreversível. Eu aposto que você está ouvindo o refrão na sua cabeça agora mesmo.

1. YouTube Rewind 2018: Everyone Controls the Rewind 


E, finalmente, o grande vencedor, como já anunciado anteriormente, é esta raridade do Youtube. Curiosamente, a plataforma achou que a produção seria um arraso, tendo gasto milhões convidando estrelas como Will Smith e trazendo altos efeitos especiais. Mas... não foi bem isso que aconteceu.

Ao que tudo indica, a grande problemática do vídeo é justamente a não inclusão de algumas (sub)celebridades que marcaram o ano de 2018 com suas controvérsias. Alguns espectadores acharam que foi "vergonhosa" a escolha aleatória de quem "merecia" ou não participar da produção.

Pessoalmente, eu achei o vídeo ruim por si só.

E você, o que achou da lista?