Dia dos Namorados: As 4 maiores vantagens de ser solteiro, de acordo com a ciência
Dia dos Namorados: As 4 maiores vantagens de ser solteiro, de acordo com a ciência
Namorar e casar têm as suas vantagens, mas a solteirice também
Postado em 12/06/2018


Verdade seja dita, a vida a dois não é para todo mundo. Para muitos, saber apreciar a própria companhia e ser capaz de tocar a vida da maneira como quiser é uma liberdade que não tem preço.


E não é que até mesmo a própria ciência concorda?


Hoje, no Dia dos Namorados, vamos celebrar um pouco os heróis e heroínas que sempre têm de aturar as perguntas sobre os “namoradinhos” na ceia de Natal, com 4 vantagens cientificamente comprovadas de se ser solteiro!


1. Solteiros criam mais laços afetivos


Boa parte da rejeição em torno da solteirice vem da noção de que ser solteiro é o mesmo que ser solitário.


Não é essa a conclusão a que chegou um estudo de 2015, segundo o qual pessoas solteiras costumam criar laços mais fortes com familiares, amigos e membros da comunidade.


As pesquisadoras descobriram que, quando comparados aos casados e aos divorciados, os solteiros “têm maiores chances de manter contato, oferecer ajuda e receber ajuda de pais, irmãos, vizinhos e amigos.”


O maior slogan dos solteiros, “solteiro, sim, mas sozinho, nunca”, parece ter um fundo de verdade. 


2. Solteiros crescem mais como pessoas 


Passeios românticos, celebração de aniversários de compromisso, programas com os sogros. Os solteiros aparentemente estão aproveitando todo o tempo que eles gastariam nessas atividades para se tornarem pessoas melhores.


É isso que dá a entender um estudo de 1998, mostrando que os solteiros costumam ser mais autônomos e demonstrar maior crescimento pessoal do que os casados ou divorciados.


Outro estudo, apresentado em 2016, concluiu que solteiros mais autossuficientes costumam sentir menos emoções negativas do que pessoas casadas.


Uma explicação comum para esses achados está relacionada aos benefícios da solidão, a qual pode estar associada a coisas positivas, como autoconhecimento, paz interior e espiritualidade. 


3. Solteiros mantêm uma melhor forma física



Segundo a sabedoria popular, casar e manter a forma são duas coisas difíceis de conciliar. E parece que a ciência concorda!


Um estudo de 2004, feito com lares americanos, e um outro de 2015, com lares europeus, evidenciaram que os solteiros costumam se exercitar mais e ter um menor índice de massa corporal do que os casados e os divorciados. 


Em média, os solteiros pesavam 3 kg a menos que os outros grupos.


Talvez seja melhor adiar aquele jantar romântico, colegas comprometidos...



4. Solteiros são mais produtivos e criativos

 

O que Leonardo da Vinci, Isaac Newton e Jane Austen têm em comum? Além de serem gênios consagrados nas suas respectivas áreas, nenhum dos três jamais foi casado.


E, de acordo com a ciência, isso não é mera coincidência. A solteirice está associada a maiores índices de produtividade e a uma maior inspiração criativa por parte das pessoas solteiras.


O que não surpreende ninguém que tenha passado as últimas semanas procurando presentes de Dia dos Namorados em shoppings lotados. 


E agora, colegas solteiros, estão mais felizes por não estarem celebrando o Dia dos Namorados?