Surpreendente: descubra como é, segundo estudo, o rosto de Deus
Surpreendente: descubra como é, segundo estudo, o rosto de Deus
Os resultados da pesquisa não são nada do que você esperava
Postado em 16/06/2018
Como seria o rosto de Deus? Essa pergunta, que foi motivo de inúmeras especulações tanto por parte de artistas quanto pelos filósofos, caminhou pelos milênios sem uma resposta definitiva. 

Em busca de uma possível solução, recentemente,  cientistas tentaram investigar o mistério perguntando à população qual seria sua expectativa média sobre os traços do Todo Poderoso.

Foi esse, portanto, o propósito do estudo conduzido pela Universidade da Carolina do Norte em Chapel Hill. 

Sob o comando de uma equipe de psicólogos, foram entrevistados 511 cristãos norte-americanos, a quem foi pedido para escolher - dentre centenas de rostos aleatoriamente selecionados - qual seria o mais próximo de como eles imaginavam a aparência de Deus.

Ao combinar os resultados elegidos pelos 330 homens e 181 mulheres, os pesquisadores criaram uma composição do que seria o “rosto de Deus” - e o resultado surpreendeu. 

De acordo com a publicação do estudo no jornal PLOS ONE, feita em junho, Deus teria traços mais femininos, menos caucasianos e seria mais jovem do que a clássica imagem do velho senhor barbudo. 
Confira a composição abaixo.


(O rosto de Deus, segundo estudo. (Jackson JC, Hester N, Gray K (2018) The faces of God in America: Revealing religious diversity across people and politics. PLoS ONE 13(6): e0198745./Creative Commons)) 


A pesquisa também aproveitou da ocasião para questionar os participantes sobre qual seria, segundo eles, a personalidade e a aparência geral de Deus. As respostas variaram conforme as opiniões políticas dos entrevistados. Os democratas tenderam a imaginar um Deus mais jovial, amoroso e com traços mais femininos e afro-americanos. Já os republicanos conceberam um Deus mais caucasiano, masculino, poderoso e rico. 


(À esquerda, Deus segundo democratas; à direita, Ele segundo republicanos. (Jackson JC, Hester N, Gray K (2018) The faces of God in America: Revealing religious diversity across people and politics. PLoS ONE 13(6): e0198745./Creative Commons))


Um dos autores do estudo, Joshua Conrad Jackson, afirmou que essa divergência de percepções de Deus diz muito sobre como cada grupo idealiza uma sociedade perfeita. Republicanos buscam uma vida mais regrada, a qual condiz com a ideia de um Deus poderoso; enquanto democratas primam pela tolerância, que seria melhor refletida pela imagem de um Deus amoroso. 


Apesar da diversidade de percepções, todos os participantes viram Deus como um homem. Então, ao que parece, pelo menos nisso a concepção clássica do Todo Poderoso se mostrou acertada.


E você, o que achou do "rosto de Deus"?