Jovem escocesa descobre que colega de classe imitava toda a sua vida no Instagram
Jovem escocesa descobre que colega de classe imitava toda a sua vida no Instagram
Honey Basra chegou a copiar até mesmo as fotos do pai falecido da vítima
Postado em 26/11/2018
Foto: Instagram/Reprodução

Hoje em dia, com o uso cada vez mais recorrente das redes sociais, o chamado “stalkear” se tornou uma atividade muito mais simples - com apenas um clique é possível ter acesso praticamente irrestrito à vida de quase todo mundo na internet. E embora na maioria das vezes essa prática não seja lá muito lesiva, vez ou outra, as coisas podem se complicar bastante.


É o que ocorreu com a estudante escocesa Chloe Cowan, de 21 anos, quem descobriu recentemente que uma colega de classe da sua universidade estava copiando todas as fotos do seu Instagram há 2 anos.


A garota, Honey Basra, simplesmente “se inspirava” em todas as postagens de Chloe e as reproduzia fielmente em seu próprio perfil. Para se ter uma ideia do nível da coisa, Honey chegou a reencenar até mesmo as fotos tiradas em homenagem ao pai falecido de Chloe.


Cópia quase perfeita. Postagem original de Chloe (em cima), e reprodução de Honey (embaixo). Foto: Instagram.Como se pode ver nas imagens, a jovem ‘imitadora’ não poupava esforços em sua empreitada, copiando desde as legendas até mesmo as roupas e poses da colega em todas as postagens.


Chocada com a descoberta, a irmã mais velha de Chole, Linzi, decidiu fazer uma postagem no Facebook, na segunda-feira (19), para, além de denunciar o comportamento de Honey, alertar as pessoas sobre os riscos das redes sociais. 


“Minha irmã Chloe está na universidade de Dundee, e outra garota que mora em Dundee (de quem minha irmã nem tinha ouvido falar até esta semana) tem reencenado sua vida no Instagram por quase dois anos. 



“Esse comportamento de stalker da garota chegou ao extremo de ela até mesmo reencenar vídeos de um álbum de fotos que Chloe postou do meu pai que faleceu (me dá arrepios quando penso nisso).


“Essa garota não segue minha irmã nas redes sociais e fez uma conta falsa para stalkeá-la sem que ela soubesse.



“Minha irmã não deveria ter que se esconder preocupada que cada movimento seu esteja sendo observado e copiado por outra garota! A imitação é lisonjeira, mas isso foi longe demais ”.


Linzi declarou também ter acionado as autoridades e ter a intenção de tomar medidas legais contra Honey.



Diante do ocorrido, um representante da universidade em que as duas estudam afirmou que uma investigação sobre o caso já está em curso. 

“O bem-estar de todos os estudantes da Universidade de Dundee é tratado com a máxima importância. Estamos cientes dessas alegações, e nossa equipe de Serviços ao Estudante e a Associação de Estudantes da Universidade de Dundee estão fornecendo assistência às pessoas afetadas.”



Após as reações negativas às suas práticas, Honey decidiu por excluir sua conta no Instagram e, quando procurada, preferiu não emitir quaisquer declarações sobre o episódio.