Pastor americano é mordido por cobra durante bizarro ritual religioso, confira vídeo
Pastor americano é mordido por cobra durante bizarro ritual religioso, confira vídeo
Após a picada, Cody Coots ainda pediu aos fiéis que o levassem a uma montanha para esperar a intervenção divina
Postado em 10/09/2018
(Foto:Barcroft/Ruaridh Connellan)

Um pastor americano quase morreu ao se submeter à mordida de uma cobra, durante um ritual em sua congregação, no Kentucky. Cody Coots, cujo pai faleceu anos antes ao realizar a mesma prática, havia pedido aos fiéis da igreja que o levassem ao alto de uma montanha após a picada, onde supostamente ele receberia o julgamento divino sobre se merecia ou não sobreviver. Por sorte, um dos religiosos do culto percebeu o absurdo do pedido e levou-o imediatamente para um hospital. Lá, os médicos disseram que, se o atendimento demorasse mais um pouco, Cody não sobreviveria.



O pai de Coots havia sido pastor na mesma igreja até 2014, quando durante o perigoso ritual foi picado por uma cascavel e não resistiu aos ferimentos - vindo a falecer, segundo relatos, em cerca de 7 minutos após a mordida. 


(Cody ficou com a camisa toda ensanguentada depois da picada, mas mesmo assim não queria ir ao hospital. Foto: Barcroft/Ruaridh Connellan)


A prática com serpentes, nas igrejas evangélicas do Kentucky, é baseada no versículo bíblico de Marcos 16:18, no qual se lê: “Eles pegarão nas serpentes; e, se beberem de seu veneno mortal, esse não lhes fará nenhum mal”. 


(O culto se baseia num versículo bíblico de Marcos. Foto: Barcroft/Ruaridh Connellan)


A morte do pai de Cody Coots não foi a primeira durante as cerimônias da congregação. Vários outros pastores de igrejas similares no Kentucky, como David Brock, de 60 anos, e Mack Randall Wolford, de 44, vieram a óbito nos últimos anos ao dar continuidade à mesma prática. E mesmo assim, ela continua a ser realizada todo domingo.


 (Cody afirmou que talvez vá repensar suas crenças após o incidente. Foto: Barcroft/Ruaridh Connellan)


Conforme narrou o site Metro UK, além de manipularem cobras venenosas, os fiéis do culto religioso também são encorajados a ingerir veneno e manejar fogo enquanto dançam e cantam na celebração. Segundo afirmam, as atividades são inspiradas na ação do Espírito Santo sobre eles.


(Fiéis são encorajados a manipular cobras e fogo durante as cerimônias. Foto: Barcroft/Ruaridh Connellan)


Após o episódio que quase lhe custou a vida, Cody declarou que, talvez, precise repensar suas crenças.


Alguém tem alguma dúvida disso?