Ex-agente de Schumacher diz ter perdido as esperanças na recuperação do piloto: “encerrei este capítulo”
Ex-agente de Schumacher diz ter perdido as esperanças na recuperação do piloto: “encerrei este capítulo”
Willi Weber, quem trabalhou por mais de 20 anos com Schumacher, afirmou que precisava sair do luto ou “ficaria louco”
Postado em 13/10/2018
(Foto: Getty Images/Reprodução)

Em entrevista emocionante à revista alemã Bunte, o ex-agente de Michael Schumacher declarou não ter mais esperanças na recuperação do piloto. Willi Weber, que trabalhou ao lado da estrela da Fórmula 1 por mais de 20 anos, revelou, com muito pesar, que precisava “encerrar esse capítulo” em sua vida, senão “ficaria louco”. 


“Vivemos juntos os melhores e mais bem sucedidos momentos de nossas vidas, e também juntos enfrentamos várias dificuldades ao longo desses 20 anos. Mas não temos mais o nosso destino em nossas próprias mãos”, afirmou Weber.


(Depois de 20 anos de trabalho com o piloto, Weber disse ter abandonado as esperanças para manter a própria sanidade. Foto: Getty Images/Reprodução)

Schumacher, atualmente com 49 anos, está inconsciente desde o acidente, ocorrido em dezembro de 2013, no qual ele sofreu um trauma na cabeça após cair enquanto esquiava nos Alpes Franceses. À época, ele foi colocado em coma induzido e passou por duas operações de emergência no hospital francês Grenoble.


Acidente em 2013 colocou o piloto em situação gravíssima de saúde. Até hoje não se sabem mais informações sobre sua condição. Foto: Getty Images/Reprodução)
Um ano depois, Michael foi retirado do coma, mas poucas informações foram reveladas, desde então, sobre sua condição. Buscando manter a privacidade do piloto, sua família se nega a dar entrevistas e raramente faz declarações públicas acerca de sua saúde e recuperação. 


Especulações dizem, contudo, que Schumacher está recebendo atendimento médico 24 horas por dia em sua casa perto do Lago Genebra, na Suíça, onde convive com os familiares mais próximos.